Enem como forma de captação de alunos

O Exame nacional do ensino médio é a porta de entrada para ingressar em uma universidade pública, visando esta concentração de alunos é possível formular uma estratégia de captação de alunos em cima disto.

captação de alunos

Sabemos que o Enem é muito concorrido e nem todos conseguem a vaga tão desejada, é neste momento que sua instituição de ensino superior entra em ação para aumentar a captação.

A principal influência do Enem no ensino superior privado está ligada ao período de captação de alunos, se antes as campanhas eram elaboradas e disseminadas no período de outubro a dezembro, hoje com o impacto do Sisu as campanhas passam a ser mais eficientes no período de janeiro a fevereiro.

Os estudantes esperam o resultado do Enem para tentarem uma vaga em uma universidade federal pelo Sistema de Seleção Unificada (SISU), que oferece vagas em instituições públicas abolindo a prova do vestibular. Somente após ver que não conseguiram a vaga desejada, passam a considerar a matrícula em instituições privadas, por isso, uma grande parte das matrículas vêm sendo efetivadas no período de janeiro e fevereiro.

Existem diversos tipos de estratégias voltadas para captação de matrículas a partir do Enem, uma das principais é permitir a utilização da nota do Enem como vestibular, diminuindo assim uma etapa do processo e facilitando a efetivação da matrícula.

Outra estratégia que vem mostrando-se muito eficiente, na captação de alunos, é a gamificação.

A Geração Y tem o comportamento distinto das gerações anteriores, principalmente impactada pela evolução da tecnologia. Por exemplo, a televisão aberta, vem perdendo, cada vez mais, audiência para as plataformas de streaming , onde o espectador escolhe o que e quando assistir.

Pesquisas apontam que os brasileiros adolescentes gastam em média 19 horas* semanais em jogos digitais. Entre os jogos mais utilizados, com certeza estão os jogos de entretenimento. Algumas empresas da área de educação já perceberam o potencial que os jogos têm em engajar e criar experiências marcantes em jovens e adolescentes. A gamificação do estudo, associado às novas tecnologias móveis, permitiram o desenvolvimento de jogos educativos mais acessíveis para este público alvo.

Nesta linha um bom exemplo é o Enem game, jogo digital de perguntas e respostas, voltado para os alunos do ensino médio que se preparam para a prova do Enem. Em 2018 o game foi utilizado por mais de 200.000 alunos de todo o Brasil.

Com este tipo de jogo, é possível estabelecer uma comunicação com os usuários, concentrando a transmissão da mensagem para um público altamente qualificado a partir de pequenas propagandas inseridas em meio às perguntas no jogo, tornando sua instituição presente na mente do seu público alvo aumentando o interesse dos mesmos e consequentemente a captação de alunos.

Os dados dos alunos ficam registrados na plataforma, telefone, e-mail, instituição... Concentrando uma enorme quantidade de leads qualificados. Com os painéis estatísticos da plataforma também é possível analisar o desempenho dos alunos em relação a determinadas áreas de conhecimento, servindo de fonte concreta a partir de dados para caso necessário, uma melhor estruturação do plano de ensino.

Conheça o Enem game e suas vantagens para sua universidade!

Leia também: 

Evite a evasão de alunos em sua universidade

Aumente a captação de alunos: Dicas práticas para 2019

Entenda como desenvolver a gestão educacional de sua universidade

A maioria dos alunos preferem estudar perto de casa

Siga-nos nas redes sociais:

  

 

Parceiros