O que fazer com a nota do Enem?

Se você está procurando uma forma de utilizar sua nota do Enem para ingressar no ensino superior, você está no lugar certo, neste post explicaremos o que fazer com a nota do Enem!

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) detém um papel importante na vida dos estudantes brasileiros, além de ser um método de avaliação geral do ensino médio, também é uma das principais portas de entrada para ingressar no ensino superior, mesmo que o candidato não tenha conseguido uma boa pontuação.

Confira abaixo o que fazer com a nota do Enem.

Entrar em uma universidade pública sem fazer vestibular

Essa opção é possível através do Sisu (Sistema de Seleção Unificada), um processo seletivo que utiliza a nota do Enem para selecionar candidatos a uma vaga em universidades públicas de todo Brasil, ocorre duas vezes por ano e as inscrições podem ser feitas no primeiro e segundo semestre.

Atualmente a maioria das universidades tradicionais, como (UFES),(UFRJ), dentre outras... Já substituíram a realização do vestibular pelo Sisu e outras reservam um percentual de vagas.

O principal critério para participar do programa é ter realizado o Enem do ano anterior sem ter zerado a redação. O candidato pode escolher até 2 cursos ofertados pelas instituições que fazem parte do programa.

Quer entender detalhadamente como funciona? Preparamos um guia completo sobre o Sisu, confira no link abaixo.

Guia Sisu 2020

Conseguir uma bolsa de estudos em uma universidade particular

Se você obteve nota superior a 450 pontos no exame do enem do ano anterior e não zerou a redação, poderá concorrer a uma bolsa de estudos de 50% ou até mesmo integral em uma universidade particular.

Isso é possível graças ao programa universidade para todos (Prouni), um programa do governo federal que visa utilizar a nota do enem como critério de seleção para ofertar bolsas de estudos em universidades privadas.

Conseguir um financiamento estudantil a juros baixo

O FIES é outro programa criado pelo MEC que permite ao estudante financiar as mensalidades da faculdade particular a juros baixo, essa iniciativa do governo federal amplia o acesso ao ensino superior, permitindo que estudantes sem condições financeiras, ingressam em universidades privadas.

O programa abre inscrições duas vezes por ano; Para conseguir o financiamento é preciso que o candidato cumpra os seguintes requisitos:

Apresentar a nota do enem de qualquer edição a partir de 2010 com nota superior a 450 pontos, sem ter zerado a redação.

Renda familiar de até 2,5 salários mínimos.

Os estudantes que conseguem um financiamento pelo FIES, só começam a pagar a dívida um ano e meio depois que se formar, o prazo para se formar com o FIES é de até 3 vezes a duração do curso financiado.

Entrar direto em uma universidade privada

Inúmeras faculdades privadas brasileiras utilizam a nota do enem como substituto para o vestibular, permitindo que os estudantes que pretendem ingressar não precisem fazer provas.

Cada instituição de ensino superior define suas próprias regras em relação a substituição do vestibular pela nota do Enem, é aconselhável que o interessado em ingressar procure saber com a faculdade as regras e critérios.

Ganhar uns pontos extras nos vestibulares tradicionais

Algumas universidades aceitam a nota do Enem para complementar a nota do vestibular, aumentando as chances do candidato ingressar no curso desejado.

Os critérios para utilização da nota do Enem neste quesito variam de instituição para instituição, consulte o edital da instituição que deseja ingressar para ver se a mesma aceita essa ajuda e como é o processo.

Entrar para uma universidade na europa

A nota do Enem também pode ser utilizada para estudar no exterior, seis universidades em portugal reservam parte das vagas para brasileiros, que são selecionados através de um processo seletivo, quanto maior sua nota, maior suas chances de conseguir a sonhada vaga.

Para participar do processo é necessário pagar um taxa de inscrição, e caso passe, deve arcar com todo custo, desde viagem, hospedagens, contas... Apenas as mensalidades da universidade serão custeadas pelo governo.

Agora que você sabe o que fazer com a nota do Enem, garanta os benefícios que ela proporciona!

Leia também:

Enem Digital será testado em 2020

Siga-nos também nas rede sociais:

 

Parceiros